Enologia

Processo de Vinificação ao longo dos tempos

Provador

 

 

Até cerca de 1756, a elaboração dos 'vinhos de embarque', como na altura se apelidavam os Vinhos do Porto seguiam o chamado 'processo antigo' de vinificação. A aguardentação (sempre em pequeno volume) só tinha lugar depois de terminada a fermentação, obtendo-se assim vinhos secos.

No ano de 1820, surge o processo de aguardentação dito 'moderno' em que se passou a provocar a paragem da fermentação, daí resultando vinhos com prova adamada. Este processo de elaboração só passa a ser generalizado em 1852, altura em que os vinhos começam a se assemelhar aos que hoje encontramos.